Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Maurílio ganha eleição e pode ir para o 3º mandato à frente da Unifesspa

Publicado: Terça, 26 de Mai de 2020, 08h43 | Última atualização em Terça, 26 de Mai de 2020, 08h43 | Acessos: 744

Veículo: Correio de Carajás

Data: 22 de maio de 2020

Link da Matéria: https://correiodecarajas.com.br/maurilio-ganha-eleicao-e-pode-ir-para-o-3o-mandato-a-frente-da-unifesspa/

Maurílio-de-Abreu-Monteiro-4-750x375.jpg

Professores, técnicos e estudantes escolheram o reitor Maurílio Monteiro para continuar sendo o reitor da Unifesspa (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará) pelos próximos quatro anos.

Bastante respeitado e querido – tanto na comunidade acadêmica quanto entre políticos e instituições da região – Maurílio Monteiro – foi nomeado reitor pro tempore da Unifesspa, pela então presidente Dilma Rousseff, com a missão de implantar a instituição nas regiões sul e sudeste do Pará, sendo eleito pela primeira vez em 2016.

 

Mas nem tudo está definido…ainda. Faltam interposição de recursos, homologação no Consun (Conselho Universitário) da própria Unifesspa e depois o envio da lista tríplice ao MEC (Ministério da Educação).

O temor da comunidade acadêmica é que o governo federal não respeite o resultado das urnas e aponte um interventor, como tem ocorrido em algumas instituições superiores pelo País.

É inacreditável, mas é real. Ao invés de valorizar a políticas interna das reitorias e nomear os candidatos eleitos, o MEC do presidente Jair Bolsonaro preferiu nomear os perdedores. O primeiro episódio registrado foi na Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM) em junho do ano passado, onde houve a nomeação do segundo colocado da lista tríplice.

Depois, isso se repetiu na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB), na Universidade Federal do Ceará (UFC) e na Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM) que foi ainda pior. Lá o nomeado tinha ficado em quarto lugar na consulta à comunidade acadêmica, na qual obteve apenas 5,2% dos votos.

RESULTADO DA ELEIÇÃO

A chapa “Mais Unifesspa”, encabeçada pelo professor Maurílio de Abreu Monteiro, foi eleita pela comunidade universitária com 84,4% dos votos válidos. Após votação realizada na última quinta-feira (21), alunos, técnicos administrativos e professores decidiram reeleger o candidato para conduzir a Unifesspa pelos próximos quatro anos.

De acordo com o resultado preliminar divulgado pela Comissão Eleitoral, na manhã desta sexta-feira (22), a Chapa “Nossa Unifesspa: Inovadora, Participativa e Excelente”, do professor Fábio dos Reis Ribeiro de Araújo ficou em segundo lugar, com 8,7% dos votos; e a chapa “Nossa Unifesspa, Universalidade, Excelência e Diversidade, do professor Francisco Ribeiro da Costa obteve 6,9% dos votos, alcançando a terceira colocação.

Considerando o total de votos computados (válidos, nulos e brancos), os técnicos administrativos somaram 261 participações, registrando o maior percentual de votantes (88,5%).  Entre os docentes, foram contabilizados 394 votos, o equivalente a 85,8% do total aptos a votar nesta categoria. Já entre os estudantes, foram apurados 1.996 votos, com um percentual de 36,4%.

Estavam aptos a votar 6.140 membros da comunidade universitária e 42,69% compareceram à urna eletrônica. Na eleição realizada em 2016, que também ocorreu de forma on-line, porém, com os demais processos realizados presencialmente, foi registrada uma participação de 30,79%, o que demonstra um crescente engajamento da comunidade acadêmica, mesmo diante da suspensão das atividades presenciais, em função da pandemia causada pelo novo coronavírus.

De acordo com o cronograma do processo eleitoral, o período de interposição de recursos será de dois dias (25 e 26 de maio). O resultado dos recursos interpostos será divulgado no dia 28 de maio. A reunião do Conselho Universitário (Consun) para homologação do resultado do Processo de Consulta e elaboração da lista tríplice acontece no dia 2 de junho e o envio da lista ao Ministério da Educação está previsto para 10 de junho de 2020.

Todas as informações sobre o processo de consulta eleitoral estão reunidas na página da Comissão, no endereço http://eleicaoreitoria.unifesspa.edu.br .

PERFIL

Maurílio de Abreu Monteiro é professor da Unifesspa, formado em História, com doutorado em desenvolvimento sustentável do trópico úmido, pela Universidade Federal do Pará – UFPA. Já foi Secretário de Desenvolvimento, Ciência e Tecnologia – SEDECT, do Estado do Pará, e atua como professor e pesquisador no Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido, do Núcleo de Altos Estudos Amazônicos – NAEA, da UFPA, e no Programa de Pós-Graduação em Dinâmicas Territoriais e Sociedade na Amazônia (PDTSA), da Unifesspa. (Ulisses Pompeu – com informações da Ascom Unifesspa e ubes.org.br)

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página