Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Unifesspa mantém atividade acadêmica, mas toma medidas contra o coronavírus

Publicado: Quinta, 21 de Mai de 2020, 09h52 | Última atualização em Quinta, 21 de Mai de 2020, 09h54 | Acessos: 403

Veículo: Hiroshi Bogéa

Data: 16 de março de 2020

Link da Matéria: https://www.hiroshibogea.com.br/unifesspa-mantem-atividade-academica-mas-toma-medidas-contra-o-coronavirus/

 

Como no Estado do Pará ainda não houve registro de nenhum caso suspeito de coronavírus, a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará segue mantendo em atividade o calendário acadêmico.

O blogueiro conversou agora há pouco com o reitor da Unifesspa, Maurílio Monteiro, que mantém atenção voltada ao monitoramento da doença, aguardando a evolução dos fatos para determinar  a suspensão, ou não,  das aulas e atividades gerais da universidade.

No rastro das ações  visando enfrentamento da enfermidade,  a Unifesspa criou um comitê especial que vai direcionar medidas, manter contatos com autoridades da área de saúde e  gerar tomadas de decisão.

De acordo com nota pública liberada pela instituiçao de ensino superior, a a Unifesspa reforça as orientações estabelecidas pelo Governo Federal aos órgãos e entidades da Administração Pública e as recomendações do Ministério da Saúde para conter o avanço da doença.

Leia o comunicado na íntegra!

No comunidado, a Unifesspa orienta os membros da comunidade universitária que tenham retornado de viagem de áreas de risco no Brasil e no Exterior a comunicarem o retorno à universidade. Os servidores devem se reportar à Pró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas e os alunos à Pró-Reitoria de Ensino de Graduação. Com essa medida, a Unifesspa busca fornecer orientações específicas, conforme cada caso.

A recomendação da universidade é que pessoas assintomáticas, que tiveram contato com pacientes infectados, devem ficar em isolamento domiciliar por 7 (sete) dias e, em caso de apresentar algum sintoma, esse período deve ser de 14 (quatorze) dias.

Os alunos ou servidores poderão desenvolver suas atividades remotamente ou respaldados pela apresentação de atestado médico. A Unifesspa também orienta que pessoas com sistomas de doenças respiratórias procurem os serviços médicos de saúde.

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página