Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Unifesspa: Curso de Artes Visuais terá ateliê e novos laboratórios

Publicado: Segunda, 10 de Fevereiro de 2020, 15h40 | Última atualização em Segunda, 10 de Fevereiro de 2020, 15h42 | Acessos: 133

Veículo: Correio de Carajás

Data: 8 de fevereiro de 2020

Link da Matéria: https://correiodecarajas.com.br/unifesspa-curso-de-artes-visuais-tera-atelie-e-novos-laboratorios/

Destaque_pedra_atelie_.jpg

  Os alunos e professores do curso de Artes Visuais da Unifesspa (Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará) têm um novo motivo para comemoração. É que eles receberão um espaço totalmente adequado para a realização de pesquisa e construção de projetos, o Ateliê de Artes Visuais, que deve ficar pronto em 12 meses.

O lançamento da pedra fundamental do prédio foi realizado na última sexta-feira (7), com uma cerimônia no auditório da Unidade 3, em Marabá. As obras devem começar imediatamente e estão orçadas em mais de R$ 2 milhões. Parte do recurso, R$ 450 mil, é resultado de uma emenda parlamentar individual do deputado federal Edmilson Rodrigues.

De acordo com o reitor da Unifesspa, Maurílio de Abreu Monteiro, o diálogo com a bancada federal tem sido importante para a realização de obras na universidade. “Num momento em que se fala em dificuldades, nós temos parceria e diálogo com os deputados, sobretudo, da bancada federal. Todos os nossos prédios hoje estão sendo sustentados por emendas parlamentares”, disse, informando ainda que em Marabá também será construído o Núcleo de Psicologia para melhorar a qualidade da formação e atender a comunidade.

unifesspa-1-ok.jpg

 Sobre os avanços na formação acadêmica a reportagem conversou com o diretor do Instituto de Linguística, Letras e Artes (ILLA), Alixa Santos, que explicou o quanto se faz necessário ter um espaço adequado para estudo.

“Espaço para gravura, para audiovisual, para fotografia. Agora teremos laboratórios ao invés de utilizar espaços improvisados, como auditório. A gente vai continuar fazendo aula ao ar livre, mas não por falta de espaço e sim como complemento. E nos laboratórios será possível fazer pesquisa de pigmentos e outros materiais, além de poder fazer a criação de peças com até sete metros de altura”.

Com o novo prédio, além dos alunos do curso de Artes Visuais também serão beneficiados os professores das redes municipal e estadual, conforme explicou o vice-diretor do Faculdade, Amilton Damas. “A Faculdade de Artes é um polo do Instituto Artes na Escola, o qual disponibiliza ações de formação continuada para professores da rede pública e aí nós alcançamos direta e indiretamente os alunos que são futuros ingressantes na universidade”.

O prédio terá dois andares em total de 1.076,04 m² de área construída, que incluirá laboratórios, salas específicas e um galpão, conforme explicou o secretário de Infraestrutura da Unifesspa, Lucas França.

“O curso de Artes Visuais tem uma demanda por espaços muito específicos. Então, ao passo que necessita de um galpão dando a possibilidade de construir uma escultura gigante, também tem que ter computadores refinados que vão trabalhar materiais superpesados. Foi difícil conseguir reunir tudo isso em um projeto, mas nós temos uma equipe muito dedicada que pensou num espaço que não é apenas tijolo em cima de tijolo, mas sim em como colocar a arte no concreto”, disse, ressaltando que os arquitetos e engenheiros coordenam obras em cinco cidades onde a universidade está presente.

Saiba mais sobre a estrutura

O andar térreo contará com sala de escultura e oficina, sala de gravura, laboratório de audiovisual, além de ambientes administrativos como secretaria, sala de reunião e de professores, e ambientes de apoio como copa, banheiros coletivos e banheiros acessíveis.

No andar superior, salas de desenho, fotografia, um miniauditório, e outros ambientes de apoio comporão a planta do prédio. A acessibilidade entre os dois andares será garantida por meio de plataforma elevatória para acessibilidade. (Fabiane Barbosa)

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página