Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Universidade Federal do Sul e Sudeste do PA só tem recursos para funcionar até outubro

Publicado: Terça, 10 de Setembro de 2019, 17h02 | Última atualização em Terça, 10 de Setembro de 2019, 17h03 | Acessos: 55

Veículo: G1 Pará - Belém

Data: 30 de agosto de 2019

Link da Matéria:https://g1.globo.com/pa/para/noticia/2019/08/30/universidade-federal-do-sul-e-sudeste-do-pa-so-tem-recursos-para-funcionar-ate-outubro.ghtml

Unifesspa foi criada em 2013 no Pará. Corte de verbas ameaça expansão e funcionamento. — Foto: Divulgação/ UnifespaA partir de 1º de outubro, a Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) disse que não contará com serviços básicos para o funcionamento. Mais de cinco mil alunos serão prejudicados com a interrupção de atividades.

A decisão foi tomada pelo Conselho Superior da Universidade (Consun) durante uma reunião diante do contingenciamento orçamentário das universidades federais, no qual a Unifesspa está incluída. As informações foram divulgadas nesta sexta-feira (30).

Serviços como telefonia, controle de qualidade de água e pragas, imprensa e correio, recursos para viagens de campo, apoio logístico, entre outros, estão garantidos só até o final do mês de setembro. A partir de outubro, a Unifesspa contará apenas com orçamento da assistência estudantil.

Caso os recursos não sejam liberados até o dia 16 de setembro, a Unifesspa informou que os contratos de serviços básicos ao funcionamento da universidade serão suspensos. De acordo com a resolução aprovada na reunião do conselho, fica autorizada a suspensão total ou parcial da execução de contratos de serviços essenciais, como energia, limpeza e segurança, de outubro até 31 de dezembro de 2019.

Criada em 2013 , a Unifesspa conta com mais de 400 docentes, 38 cursos de graduação e 11 unidades no estado do Pará.

Uma agenda de ações como atos simbólicos de abraço, debates com a comunidade e campanhas instituições estão sendo organizados em defesa da universidade pública na instituição.

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página