Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Orçamento familiar: Unifesspa vai lançar aplicativo “Cadê o salário” nesta segunda-feira

Publicado: Sexta, 06 de Setembro de 2019, 15h21 | Última atualização em Sexta, 06 de Setembro de 2019, 15h21 | Acessos: 272

Veículo: Correio de Carajás

Data: 06 de setembro de 2019

Link da Matéria: https://correiodecarajas.com.br/orcamento-familiar-unifesspa-vai-lancar-aplicativo-cade-o-salario-nesta-segunda-feira/

Unifesspa vai lançar aplicativo O Laboratório de Inflação e Custo de Vida de Marabá da Faculdade de Ciências Econômicas (Lainc/Face/Iedar) da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) fará o lançamento oficial do projeto: “Custo da cesta básica de consumo familiar de Marabá” e do aplicativo “Cadê o salário”, na próxima segunda-feira (09), às 9 horas, no Auditório da Unidade I, na Folha 31.
 
A cesta básica calculada pelo Lainc contém 43 itens que são coletados semanalmente por um grupo de 12 alunos pesquisadores do curso de Economia da Unifesspa que visitam 100 comércios para verificar o custo desses itens para as famílias de Marabá.

A custo da cesta básica de consumo familiar é calculado para uma família de até 5 pessoas que ganham de 1 a 5 salários mínimos. Nos últimos 18 meses a cesta básica foi maior que o salário mínimo, ficando nesse período no valor de R$ 1.094,76.

No aplicativo “Cadê o salário” o consumidor vai poder inserir os preços dos itens da cesta básica e calcular o salário real que é aquele que condiz com a sua realidade de consumo e o salário nominal que é valor que ele recebe no mês já subtraindo a inflação.

Na cesta básica de Marabá, os itens que mais ‘pesam’ são transporte, alimentação, além de bebidas e habitação. Desses, a alimentação ainda é a maior representando 43% dela.

Já para o cálculo do Índice de Preços ao Consumidor (IPC/Marabá) são utilizados 273 itens que estão estabelecidos em 9 grupos (Alimentação e Bebidas, Transportes, Habitação, Saúde e Cuidados Pessoais, Despesas Pessoais, Vestuário, Comunicação, Artigos de Residência e Educação) que constam na Pesquisa de Orçamento Familiar (POF) que é o levantamento mais detalhado sobre os padrões de consumo dos brasileiros, sendo uma metodologia utilizada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Todos esses dados estarão disponíveis no aplicativo “Cadê o salário”?

“Nesta segunda-feira nós vamos lançar não só o aplicativo Cadê o salário, mas o Indicador chamado Custo da cesta básica de consumo familiar de Marabá. São duas informações importantes que vão subsidiar o chefe de família local a fazer a gestão do orçamento familiar. As pessoas vão ter acesso às informações sobre a inflação de Marabá e sobre o custo da cesta básica e vão poder analisar como estão gastando o seu salário e se estão gastando da melhor forma possível. Agradecemos a parceria com a Fundação Amazônia de Amparo a Estudos e Pesquisas do Estado do Pará (Fapespa) que tem nos apoiado na implantação desse projeto”, destacou o professor. Esse projeto será de grande valia para o empresariado, os órgãos públicos e para toda população residente em Marabá e nós estamos felizes em poder contribuir mais uma vez com o desenvolvimento da nossa região”, disse o prof. Msc. José Stênio Souza.

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página