Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Unifesspa: Direito tem a maior procura

Publicado: Segunda, 13 de Agosto de 2018, 10h19 | Última atualização em Segunda, 13 de Agosto de 2018, 10h20 | Acessos: 176

Júri Simulado okCom o propósito de defender a democracia e o cumprimento das leis, a advocacia é uma das profissões mais requisitadas nos dias de hoje. Cada vez mais pessoas necessitam da figura do advogado, defensor público, promotor de justiça, dentre outros profissionais da área. Em decorrência desse quadro, é notável o aumento desses profissionais no país, que tem mais de um milhão de registros junto à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A crescente demanda judicial e ampla área de atuação do direito também são fatores importantes para incentivar o ingresso de milhares de jovens no ramo.

Esse cenário, inclusive, pode ser comprovado pela quantidade de pessoas que disputaram as vagas do curso na Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), em Marabá, este ano. A graduação registrou o maior número de concorrentes, com 1.460 inscritos para 40 vagas, e teve o ponto de corte mais alto entre todos os cursos de direito do Brasil.

A grande procura pode ser justificada pela boa estrutura e qualidade de ensino, como lembra Hirohito Diego Athayde Arakawa, diretor da Faculdade de Direito (Fadir) da Unifesspa. Segundo ele, o curso recebe mais de 40 novos alunos por semestre e possui, além de bons professores, uma grade curricular diferenciada. “A nossa estrutura é muito avançada, com relação a outras universidades, porque nosso Projeto Político Pedagógico do Curso conta com uma estrutura que tenta aliar o lado teórico com o lado prático”, garante.

A graduação tem duração de cinco anos, divididos em 10 períodos, e na Unifesspa existem seis turmas de graduandos nessa área, totalizando 250 estudantes. O curso de direito também carrega quase 25 anos de tradição “nas costas”, sendo pioneiro em Marabá. “A data de criação dele foi outubro de 1993”, destaca Arakawa.

Segundo ele, essas características refletem na baixa evasão do curso. “É muito concorrido e é difícil as pessoas largarem e porque a gente percebe que tem muitos alunos da região. Hoje, estamos com 93% dos alunos ativos e matriculados”.

Preparo

Dentre as aulas preparatórias está o tradicional Júri Simulado, importante ferramenta prática para a formação dos estudantes. “A gente tem direito penal, processo penal e as disciplinas que se chamam práticas simuladas dos processos. Nelas, o professor desenvolve um caso fictício, geralmente, de homicídio, de crime contra a vida, e articula com os alunos para que cada um seja um ator dentro dessa esfera”, esclarece o diretor da Fadir. Ele acrescenta que, além da prática, existem disciplinas inovadoras que fazem parte da grade curricular obrigatória do curso, como de Direitos Humanos, Direito Indígena e Afrobrasileiro e Direito Minerário e Recursos Hídricos.

Porém, segundo Hirohito, o “arcabouço dogmático” não é deixado para traz nesse processo. “O que é isso? É o aluno entender das leis, do ordenamento jurídico. E a gente percebe isso geralmente pela aprovação prova do OAB e em concurso público”, completa, dizendo ainda que todos os anos alunos de direito da Unifesspa são aprovados antes mesmo de se formar. “A OAB permite que pessoas do 9º e 10º Bloco façam o exame, esperando o diploma para poder fazer o juramento e pegar a carteira de advogado. Então a gente percebe um altíssimo nível de aprovação desses alunos”. (Nathália Viegas)

SAIBA MAIS

Segundo o diretor da Fadir, a Unifesspa foi a primeira universidade da região Norte a receber o curso de Direito do Campo, viabilizado pelo Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera), por meio do convênio firmado entre o Incra e a universidade.

 

Fonte: Correio de Carajás 

https://correiodecarajas.com.br/cidades/unifesspa-direito-tem-a-maior-procura/

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página