Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Unifesspa manifesta-se sobre a portaria nº 1.030, de 1 de dezembro de 2020, do MEC

  • Publicado: Quarta, 02 de Dezembro de 2020, 18h28
  • Última atualização em Sexta, 04 de Dezembro de 2020, 16h55
  • Acessos: 1271

A Administração Superior da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), reuniu-se na tarde desta terça-feira, 2, com o objetivo de discutir as possíveis implicações da Portaria nº 1.030, de 1 de dezembro de 2020, emitida pelo Ministério da Educação (MEC) e menifestar-se perante à sociedade e à comunidade acadêmica sobre o teor da Portaria. Segue a nota oficial:

Nota oficial da Unifesspa frente à portaria nº 1.030/2020, de 1 de dezembro, do Ministério da Educação Nota oficial unifesspa

A Administração Superior da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) informa, diante da publicação da Portaria n° 1.030, de 1° de dezembro de 2020, que dispõe sobre o retorno às aulas presenciais, que seguirá respeitando a autonomia universitária e as instâncias colegiadas de deliberação de sua estrutura em relação ao formato das atividades acadêmicas a ser definido e ofertado em 2021. Por meio da Pró-Reitoria de Ensino de Graduação (Proeg), a Unifesspa tem realizado reuniões com os diferentes segmentos da comunidade acadêmica para avaliar ainda o Período Letivo Emergencial (PLE), vigente até 22 de dezembro de 2020, e discutir o formato de oferta das atividades acadêmicas futuras. Além disso, diante do quadro incerto em relação à pandemia da COVID-19 no Brasil e em nossa região, a universidade mantém-se assessorada pelos grupos internos de acompanhamento da doença (Grupo de Trabalho de Biossegurança, Comitê Científico de Monitoramento e Comitê de Acompanhamento da Covid-19).

Quanto ao teor da portaria, a Unifesspa segue articulada com as outras universidades e participará nesta quinta-feira, 3 de dezembro, de reunião da Secretaria de Ensino Superior do ministério da Educação (SESU/MEC) com os reitores das 69 Instituições Federais de Ensino Superior, por meio do Conselho Pleno da Associação Nacional (Andifes).

Qualquer decisão será tomada, portanto, respeitando as condições sanitárias, administrativas, de biossegurança e de caráter coletivo, de modo a contemplar todas as questões envolvidas na retomada das atividades acadêmicas.

A Unifesspa destaca que a pandemia continua e, por isso, faz-se necessário manter as medidas de prevenção ao contágio pelo novo coronavírus.

 

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página