Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

No Facebook: Lives do projeto "Diálogos Literários" acontecem todas as quartas-feiras

  • Publicado: Quarta, 02 de Setembro de 2020, 11h41
  • Última atualização em Quinta, 03 de Setembro de 2020, 17h53
  • Acessos: 216

diálogos literários

O Grupo de Estudos Mulheres, Emancipações e Literaturas (Gmells), convida toda a comunidade acadêmica para a segunda edição do projeto "Diálogos Literários" em tempos de isolamento social, tendo como participação especial a professora e pesquisadora Fernanda Miranda, da Universidade de São Paulo (USP).

O grupo objetiva proporcionar um espaço capaz de reunir e estimular o desenvolvimento de diferentes modalidades de pesquisas acadêmicas, tais como iniciação científica (IC), trabalhos de conclusão de curso (TCCs), dissertações e teses, voltadas aos estudos de textos teóricos e obras literárias de escritoras que foram invisibilizadas ao longo da história da literária.

Propõe-se, também, a analisar o movimento recente de emergência de escritoras contemporâneas, a fim de refletir como foram construídos os processos de emancipações nesses dois momentos.

Assim, o projeto busca estabelecer um espaço de escuta e de interação com discentes do campo nesse período de quarentena com as novas plataformas que estão surgindo nesse momento para movimentar a universidade, os debates e as pesquisas.

“A ideia é convidar escritoras, pesquisadoras e intelectuais em torno do debate sobre Literaturas, Mulheres e Diversidades para um bate papo, no intuito das convidadas conversarem conosco sobre as suas produções literárias, suas pesquisas, seus estudos e reflexões, suas impressões desse momento atual”, comenta a professora e coordenadora do projeto, Edimara Santos.

Na 1ª edição, as lives tiveram como convidadas a escritora Cidinha da Silva, professora e escritora Kiusam de Oliveira (USP), professora e pesquisadora Constância Lima Duarte (UFMG), ativista indígena Fernanda Vieira (UERJ/FAPERJ/BU), professora e pesquisadora Aline Arruda (IFMG) e a professora e pesquisadora Ailce Margarida (Unifesspa/Fecampo), e contou com a participação de estudantes de várias instituições brasileiras 

Além da coordenadora Edimara Santos, o Gmells tem como pesquisadoras Ailce Margarida (Unifesspa/Fecampo), Pamela Raiol (PPGL- UFPA), Laís Alves (PPG- UFPA), Fabíola de Fátima (PPGEDUC - UFPA - Campus Cametá) Larissa Serrão (Letras /UFPA- Campus Cametá), Bruna Moraes (Unifesspa/Fecampo), Raíssa Ladislau (PDTSA- Unifesspa), Tarcila Virtuozo (Pedagogia-Unifesspa).

As lives irão acontecer, on-line, sempre pela página do Facebook @gmellsliteraturas, às quartas-feiras, às 17h.

Confira datas e participações:

02/09 - Pesquisadora Fernanda Miranda (USP). 

09/09 - Pesquisadora Luana Tolino (UFMG)

16/09 - Escritora Cristiane Sobral (UNB)

23/09 - Escritora Amara Moira (Unicamp).

30/09 - Pesquisadora Germana Sales (UFPA).

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página