Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

IEDAR realiza seminário sobre "Sistema de Contas Nacionais"

  • Publicado: Quinta, 06 de Fevereiro de 2020, 10h30
  • Última atualização em Sexta, 07 de Fevereiro de 2020, 12h31
  • Acessos: 217

Sem Contas Nacionais IEDAR 0930 webO Instituto de Estudos em Desenvolvimento Agrário e Regional (IEDAR) da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) realizou, no final do mês passado, o seminário “Sistema de Contas Nacionais”. O evento é uma das ações do projeto “Matriz de Insumo – Produto Inter-Regional Do Sul e Sudeste do Pará”, desenvolvido pelo Laboratório de Contas Regionais da Amazônia (Lacam).

Estudantes, pesquisadores e acadêmicos vinculados ao projeto participaram do seminário que teve como objetivo apresentar informações introdutórias sobre como se constitui a Tabela de Recursos e Usos (TRU) e quais são as bases de dados para produzir essas tabelas.

Como palestrantes, o evento contou com a participação dos professores Giliad Silva (Unifesspa) e Ellen Claudine (UFPA); do ex-gerente do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Frederico Cunha; e do ex-presidente do IBGE e atual pesquisador na Fundação Getúlio Vargas (FGV), Roberto Olinto. 

O coordenador do Lacam, professor Giliad Silva, explica que será realizada uma segunda rodada de minicursos e seminários, com o objetivo operacional, ou seja, como a base de dados que foi instruída, neste primeiro seminário, se transforma em Tabela de Recursos e Usos (TRU).

O professor destaca a importância do projeto e como a sociedade irá usufruir dos resultados alcançados. “A sociedade se beneficia porque irá saber o quanto da renda fica disponível e também entender como se estrutura economicamente a região mineradora e as regiões, que de algum modo, sofrem impacto”, ressalta.

Sem Contas Nacionais IEDAR 0955 webPara o ex-presidente do IBGE e atual pesquisador na Fundação Getúlio Vargas, Roberto Olinto, o projeto é desafiador. “Ele traz a necessidade de você identificar o sistema estatístico, visando as contas da região sul e sudeste, tendo Marabá como centro”, diz.

Para Olinto, o foco particular do projeto é no Sistemas de Contas Nacionais, de forma que se possa organizar as estatísticas de como uma região do estado pode ter uma estrutura economicamente coerente, que permita analisar a economia local. “O aluno coloca em prática tudo que foi aprendido na teoria em sala de aula, tendo em vista que é um projeto que tem objetivos, não apenas um exercício acadêmico”, finaliza.

Sobre o projeto

O projeto "“Matriz de Insumo – Produto Inter-Regional Do Sul e Sudeste do Pará” é financiado pela Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa (Fapespa) e tem por objetivo elaborar Tabela de Recursos e Usos (TRU's) e Matriz de Insumo-Produto (MIP), com o recorte regional e apresentar as origens do sistema de contas nacionais e suas particularidades no recorte regional, a possibilidade de utilização de registros administrativos no sistema de contas regionais e desenvolvimento de sistema estatístico de acompanhamento econômico para os municípios da região.

"Participar deste projeto é muito gratificante. Realizar uma matriz regional, um produto de grande importância, dá a possibilidade de se propor várias pesquisas, a partir dos dados obtidos, podendo desencadear diversas propostas para o desenvolvimento regional. Além disso, é uma oportunidade única para nós (graduandos) de acessar conhecimento que a sala de aula não conseguiria nos proporcionar. Estar em diálogo com pessoas que já trabalham na área, nos dá perspectivas futuras de onde atuar", revela Vitor Marinho, bolsista do projeto. 

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página