Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Fahist: Unifesspa vai promover Seminário de Ensino e Estágio em História

  • Publicado: Segunda, 13 de Maio de 2019, 10h38
  • Última atualização em Quarta, 15 de Maio de 2019, 16h46
  • Acessos: 63

HistóriaA Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará vai realizar no dia 12 de junho, no Auditório da Unidade I o Seminário de Ensino e Estágio em História. 

Segundo o professor Carlo Monti, o Seminário tem por função apresentar os resultados das quatro disciplinas de estágio que são realizadas no curso de história em Marabá. É quando os discentes do curso demonstram todas as atividades realizadas em dois anos de estágio supervisionado que foi desenvolvido nas escolas municipais e estaduais da cidade.

O evento é voltado para os discentes, docentes, pós-graduandos das licenciaturas e, para os professores da rede municipal e estadual de ensino de Marabá.

“Ao socializarmos as nossas experiências em estágio supervisionado estamos demonstrando como lidamos com o ensino, como analisamos o currículo, como implementamos as nossas regências, assim como, fazemos a intervenção que tem por fim reverter uma ação para as escolas”, pontuou Monti.

“Após todo um processo de observação externa e interna junto a escola e, análise de documentos escolares, de estudo de teorias, de entrevistas de professores e alunos, assim como de estudo da memória local e da gestão escolar, chegamos a um diálogo com a cultura escolar, quando então buscamos retornar algo para as escolas por meio de uma intervenção que é realizada pelos estagiários”, concluiu.

Todo esse percurso, realizado em dois anos, será demonstrado no evento que está dividido em três eixos: Estágio como pesquisa, pesquisa como estágio e o ensino de história no Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid).

A organização está a cargo de Laboratório de Ensino, Extensão e Pesquisa em História LEEPH – sob a coordenação do professor Carlo G. Monti, da Associação Nacional de História - Seção Pará, da Faculdade de História da Unifesspa e do Mestrado Profissional em Ensino de História (ProfHistória/Unifesspa) e mais informações podem ser obtidas por meio do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

As inscrições estão abertas e podem ser feitas através do SigEventos pelo link: https://bit.ly/2HxZ4i2

Confira a programação:

Parte I

Estágio como Pesquisa

9h – Palestras;

- “Anpuh, militância e formação docente” Prof. Francivaldo Alves Nunes (UFPA/Presidente da Anpuh-PA);

- “Pesquisa como Estágio na Fahist”. Prof. Carlo Guimarães Monti (Unifesspa/Coord. de Estágio e do Laboratório de Ensino - Leeph/Fahist);

- “O estágio supervisionado e a regência” Profa. Maria Raimunda Santana Fonte (Semed/Seduc);

- “Mestrado Profissional em História e a formação continuada de professores. Prof. José do Espírito Santo Dias Júnior (UFPA/Coord. Profhistoria);

- “Licenciatura e formação de professores: práticas pedagógicas na FAHIST de Marabá”. Prof. Geovanni Gomes Cabral (Unifesspa/Fahist);

12h – Intervalo – Exposição de fotos: “Vistas sobre a prática de estágio” (Local: Entrada do anfiteatro);

Parte II

Pesquisa como Estágio

13h30 às 14h50 – Núcleo I – Estágio e educação para as relações étnico-raciais;

Debatedores:

Profas.: Valéria Moreira de Melo (Fahist) e Maria Clara Sampaio (Fahist);

Discentes:

- Luana Santana da Silveira – Interculturalidade como possibilidade de aplicação da lei 11.654/08;

- Juliana Alves de Souza - Estratégias de ensino e a lei, 11.654/08: estágio supervisionado em história;

- Nilqueverson Silva Lima - Roda de conversa com indígenas do sudeste do Pará;

- Raquel Teixeira Santos Vidal - Personalidades Negros;

- Lourrana dos Santos Gonçalves – Personagens Negros: mostra teatral;

- Nayanna Samylle Silva Sousa - Pensando a educação étnico-racial: Abyomi;

14h50 às 16h30 – Núcleo II – Estágio e o uso de fontes históricas em sala de aula;

Debatedores:

Prof/s. Carlo Guimarães Monti (Fahist) e José do Espírito Santo Dias Júnior (UFPA/Profhistoria);

Discentes:

- Andreza Sousa e Josiel Silva - Diálogos históricos: analisando e produzindo cartas em sala de aula;

- Mariti Sousa Mota e Lizandra Silva Cruz - Jogos da memória no ensino de história ambiental;

- João Damasceno de Queiroz – A história de Marabá através da fotografia;

- Jonildo Sousa Pinto - Documentos arquivísticos para a preservação da memória escolar;

- Ádila Alves Vital - O uso da fotografia como resgate da memória local;

16h15 – 18h – Núcleo III – Estágio supervisionado, questões de gênero e educação;

Debatedores:

Profa. Idelma Santiago da Silva (Unifesspa/Vice-reitora) e Prof. Francivaldo Alves Nunes (UFPA/Presidente da Anpuh-PA);

Discentes:

- Amanda Jacqueline Vieira dos Santos – Olhares sobre a Folha 33;

- Maria Orlanda Nogueira Santos - A Atuação das mulheres no legislativo brasileiro;

- Natanael Santos - Metodologia virtuosos e estratégia positivas de ensino produzidas em sala de aula;

- Eduardo Nunes da Silva - Reflexões sobre gênero e sexualidade na escola;

- Andrey dos Santos Reis - Uma visão extensionista do estágio supervisionado;

Parte III

Ensino de história e o PIBID

19h – Mesa-redonda. Mediador: Prof José Amilton de Souza (CPA/Fahist/Unifesspa);

“Desafios com o ensino de história e a experiência com o Pibid em tempos de crise” – Profa Edileuza dos Santos Andrade;

- “PIBID e as múltiplas realidades da escola” Prof. Adilson Brito (UFPA);

- “Aprender a ensinar história: diálogos, limites e possibilidades a partir das experiências do PIBID/Fahist/Unifesspa)” Prof. Erinaldo Vicente Cavalcanti (Coord. Pibid/Fahist/Capes).

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página