Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Sob muita emoção, Unifesspa forma primeiros profissionais de administração e contábeis em Rondon do Pará

  • Publicado: Segunda, 26 de Novembro de 2018, 12h43
  • Última atualização em Segunda, 26 de Novembro de 2018, 15h46
  • Acessos: 501

DSC 0132“Valeu a pena ter chegado até aqui, todo esforço foi válido”. A fala emocionada de Francisca Meire retrata o momento especial que os 34 formandos dos cursos de Administração e Ciências Contábeis do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas (ICSA) vivenciaram na noite da última quinta-feira (22), durante a solenidade de colação de grau e entrega de diplomas, realizada em Rondon do Pará. 

Emoção, gratidão, alegria, reconhecimento, saudade e tantos outros sentimentos marcaram a cerimônia, acompanhada por familiares, amigos, professores e servidores da Unifesspa. Entre choros e gritos, cada formando saboreava a realização de concluir essa etapa e se tornar profissional na área que escolheu para se formar.

É a história da realização de Alana, Daiane, Gilson, Jamile, Juliana, Kézia, Leonam, Leticia, Lucas, Mônica, Tainá, Wesley, Aline, Camila, Dionatan, Elaine, Eliezer, Francisca, Francisco, Geovana, Gleica, Haliny, Jônatas, Josafá, Josiclei, Karina, Karolyne, Lorrany, Niuélia, Patrícia, Suziane, Tamires. Profissionais que a sociedade recebe para transformar a realidade da região sul e sudeste do Pará.

Eles são filhos de Meire, Maria, Lindaura, Marli, Antônia, Clecir, Valmir, Eurides, Ana, Eliene, Geovano, Paulo, Rita, Irene, Edilson, Alessandra, Moisés, Raimunda, Deusirene. São os cônjuges de Vanuza, Wermeson, Ludmila, Silmar, Juelton, Luciana e José.

Todos eles com caminhadas onde dificuldades foram superadas, amizades foram construídas e solidificadas, e onde perseverança e fé os mantiveram firmes nessa jornada iniciada há quatro anos.

Sonhos realizados, futuro promissor

DSC 0304“Não vejo a hora de jogar o chapéu para cima e dizer que acabou”, confessa, aos risos, o agora bacharel em administração, Wesley Batista. Ele não escondia a euforia que vivia com o momento e a sensação de dever cumprido. 

Na plateia, sua família estava reunida para acompanhar essa consagração. “Hoje vejo no rosto dele uma alegria imensa de estar nessa colação de grau, com os amigos, recebendo os parabéns da família”, afirmou a mãe, a aposentada Maria de Fátima Batista.

Famílias e sonhos que também vieram de longe. Eliezer da Conceição é o segundo de sete filhos. A mãe é dona de casa, o pai vigilante. Natural de Buritirana, no Maranhão, encontrou na Unifesspa de Rondon a oportunidade de ter formação superior e almejar melhores condições de vida.

Ovacionado pelos colegas, ele relembrou as dificuldades vividas e externou a gratidão que sentia. “Não é uma conquista só minha, mas de minha família também”. Conquista que pai, mãe, primo e irmã fizeram questão de compartilharem juntos. Para o futuro, Eliezer revela o desejo de seguir pela docência.

Amor, superação, companheirismo e uma nova vida

“Não se chega até aqui sozinho. Família, amigos e colegas são muito importantes para te ajudar”, pondera Francisca Meire, formada de contábeis. Ela revela que desde os ensaios já não conseguia mais conter a emoção que sentia. Nascida em Teresina, ela chegou em Rondon aos quatro anos. Conta que tinha o sonho de estudar fora, mas com a chegada da Unifesspa os planos mudaram. A desconfiança e a incredulidade iniciais com a implantação da universidade no município foram aos poucos desaparecendo. “Com o tempo veio a certeza de que era uma universidade mesmo, não só uma sala de aula emprestada. Vimos isso desde a base até agora, vivemos isso concretamente”.

DSC 0013Francisca Meire é a primeira na família a ter ensino superior. A mãe, a autônoma Marta Lima, só conseguiu ser alfabetizada após os 40 anos, ao cursar o EJA, programa de Educação de Jovens e Adultos. “Ela me mostrava empolgada as coisas que aprendia e isso é era muito motivador”, diz. 

A história da formanda também teve capítulos especiais que foram intercalados com sua vida pessoal. Ela noivou e casou no mesmo ano que começou a faculdade. Ao marido Wemerson, agradeceu todo o suporte recebido. 

Durante o curso, Francisca Meire viveu outra grande emoção: a gestação. Conciliar a reta final do curso com a maternidade não foi tarefa fácil, mas com amor e companheirismo, deixou para trás qualquer dificuldade. Maria Isis, de oito meses, também estava presente nesse momento de tanta felicidade para a mãe.

Consolidação

O Reitor da Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa), professor Maurílio de Abreu Monteiro, destacou que a cerimônia representava um momento histórico e externou a imensa felicidade que sentia. “É uma festa para todos nós da Unifesspa, formandos, familiares e sociedade. Oferecer educação pública de qualidade é fundamental para mudar o país”, disse.

Monteiro frisou ainda a importância da continuidade do trabalho de consolidação do campus, na busca de melhorias e avanços. Os resultados já começam a aparecer. O curso de Administração do ICSA conquistou conceito 4 na avaliação realizada, em 2017, pelo MEC, sendo um dos mais bem avaliados na região.

Mesa solene

A mesa solene foi composta pelo Reitor Maurílio de Abreu Monteiro; pelo Prefeito de Rondon do Pará, Arnaldo Ferreira Rocha; Gabriel Moraes de Outeiro, diretor do Instituto de Ciências Sociais Aplicadas; José Augusto Tavares Ferreira, diretor da Faculdade de Administração; Mário Cesar Sousa de Oliveira, diretor da Faculdade de Ciências Contábeis e paraninfo da turma do curso de Ciências Contábeis; Gustavo Passos Fortes, paraninfo da turma do curso de Administração.

0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página