Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página
Últimas notícias

Unifesspa forma Comitê de Acompanhamento e avalia iminente suspensão de atividades

  • Publicado: Segunda, 16 de Março de 2020, 18h25
  • Última atualização em Segunda, 18 de Mai de 2020, 12h10
  • Acessos: 3396

20200316 Destaque ComunicadoCovid19A Universidade Federal do Sul e Sudeste do Pará (Unifesspa) instituiu, na manhã desta segunda-feira (16), os primeiros membros do Comitê de Acompanhamento sobre a evolução dos casos do novo coronavírus (COVID-19).

O grupo de trabalho irá se reunir diariamente para avaliar e definir as medidas que serão adotadas pela Instituição no combate à proliferação da doença, mantendo permanente contato com as autoridades de saúde, além de prestar informações e orientações à comunidade acadêmica.

O Comitê avalia como iminente a suspensão das atividades da universidade, tendo em vista a evolução dos casos no território nacional. Contudo, considerando que ainda não há casos confirmados da doença no Estado, decidiu manter as atividades acadêmicas e administrativas.

Caso seja confirmado transmissão comunitária do vírus, as atividades serão imediatamente suspensas. Esse critério foi adotado por algumas universidades da região, a exemplo da Universidade Federal do Pará (UFPA). O Comitê irá acompanhar, diariamente, os boletins emitidos pela Secretárias de Saúde dos municípios onde a Unifesspa está presente.

De acordo com o Ministério da Saúde, casos de transmissão comunitária são aquelas quando não é possível identificar a origem da contaminação. No último boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde Pública do Pará (Sespa), até às 19h deste domingo (15) foram notificados 41 casos suspeitos de Covid-19, dos quais 25 foram descartados e 16 permanecem em análise.

O Comitê de Acompanhamento é coordenado pelo professor Doutor em Ciências Pneumológicas, Carlos Podalirio e foi, inicialmente, composto por membros da Divisão de Saúde e Qualidade de Vida (DSQV), Pró-Reitoria de Ensino de Graduação e Assessoria de Comunicação. Novos membros deverão ser incluídos, mediante necessidade de ampliação da equipe para acompanhamento e gestão de crise.

Entre as ações de prevenção, a Unifesspa está promovendo campanhas educativas nas redes sociais e páginas oficiais da Instituição para conscientização dos cuidados de higiene que a comunidade deve adotar. Para mais informações, os servidores podem ligar no telefone (94) 2101-5927 e discentes no (94) 2101-7129.

São determinações do Comitê:

- Cancelamento de todas as viagens à serviço, dentro ou fora do país, de docentes, discentes e técnicos-administrativos, até que nova determinação seja publicada;

- Cancelamento de eventos com grande aglomeração de pessoas e/ou com a participação de convidados oriundos de estados com casos confirmados da doença;

-  Servidores e estudantes que tenham retornado de viagem de estados com casos confirmados, no Brasil  ou exterior, devem comunicar seu retorno à Pró-Reitoria de Desenvolvimento e Gestão de Pessoas, no caso de servidores, e à Pró-Reitoria de Ensino e Graduação, no caso de discentes, para recebimento de orientações específicas, conforme cada caso.

Elas devem ficar em isolamento domiciliar por 7 (sete) dias. Caso apresentem algum sintoma, esse período deve ser de 14 (quatorze) dias desenvolvendo suas atividades remotamente ou respaldado pela apresentação de atestado médico. Essa determinação também vale para servidores ou estudantes que tiverem contato com pessoas que viajaram para locais com casos confirmados.

São recomendações do Comitê:

Seguir as orientações de prevenção recomendadas pelo Ministério da Saúde:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool;
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas;
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes; 
  • Ficar em casa quando estiver doente;
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo. No caso de ausência de lenço descartável, deve-se cobrir nariz e boca com o braço, na altura do cotovelo, quando espirrar ou tossir;
  • Não compartilhar objetos de uso pessoal, como talheres, pratos, copos ou garrafas;
  • Manter os ambientes bem ventilados. 
0
0
0
s2sdefault
registrado em:
Fim do conteúdo da página