Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

GTranslate

pten

Opções de acessibilidade

 
Início do conteúdo da página

Quinta Mostra Universitária da Canção Paraense - MUCANPA tem inscrições abertas

Publicado: Terça, 17 de Outubro de 2017, 17h34 | Última atualização em Terça, 17 de Outubro de 2017, 17h34 | Acessos: 323

Por: Jairon Gomes


 
 
Quinta Mostra Universitária da Canção Paraense - MUCANPA tem inscrições abertas
 
 

E aí, turma!

Na semana passada eu dei um pulo na Unifesspa, Campus I, na Morada das Artes para bater um papo bem legal com a moçada que está à frente da organização de mais uma edição da Mostra Universitária da Canção Paraense – MUCANPA, que neste ano chega a sua quinta versão. 

Claudiana Guido, da Coordenação de Cultura da PROEX, e Jorginho Ropha, músico e cantor, me receberam no espaço aberto da universidade, em meio à arte e interações artísticas dos alunos para esta conversa leve, informativa e recheada de afeto e carinho por este projeto que circula e fomenta a produção autoral no sudeste do estado.

O papo também foi formatado para a TV e exibido na última sexta, dia 13 de outubro, na Agenda Cultural do programa Fala Cidade da TV Correio, Canal 26, afiliada ao SBT. 

Para compreendermos melhor a MUCANPA, é uma ação cultural da PROEX / Unifesspa que surge na transição da UFPA para Unifesspa e tem o objetivo de estimular e fomentar a expressão cultural e musical regional.

De início, a MUCANPA surge em Marabá. A primeira e a segunda edição foram realizadas somente na cidade e da feita em que se cria a Unifesspa como instituição multicampi a MUCANPA sai para outras cidades da região. “Desde 2015, a gente realiza em Marabá, Santana do Araguaia, Xinguara, Rondon do Pará e São Félix do Xingu. Sempre com encerramento aqui mesmo em Marabá”, enfatiza Claudiana.

Qualquer pessoa da comunidade pode participar desde que tenha produção autoral, uma vez que essa é uma ação que estimula a produção própria e a composição local e valorização de músicos da cidade. Não só daqui, como das outras cidades que tem campi ou não da Unifesspa. O espaço está aberto a todos para se inscreverem nas mostras locais, por onde a caravana irá passar.

Em cada cidade em que a MUCANPA ocorre, existe uma programação local com as atividades da cidade ou membros da comunidade externa que se inscrevem para participar, conforme o edital que já está aberto, a princípio até o dia 20 de outubro. As inscrições podem ser feitas pelo endereço Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo. e o edital está disponível em http://proex.unifesspa.edu.br/

Após esse processo, há uma curadoria que irá selecionar as músicas e artistas participantes. Uma comissão que seleciona os músicos que vão compor o show da MUCANPA é formada. São dez atrações dos locais onde acontece cada show e tem a ida de músicos de Marabá e região por meio de um intercâmbio cultural e musical em que estes se apresentam dentro das programações locais.

A MUCANPA tem essa premissa de levar e fazer uma conexão de artistas e músicos de cidades diferentes e valorizar os artistas que estão em seus territórios e as suas relações. O músico Jorginho, participante de todas edições conta que a MUCANPA é uma troca de conhecimentos musicais e artísticos. “Desde o momento em a gente se prepara para entrar na caravana, seja na van ou no ônibus, bate aquele arrepio, a mente se enche de melodias e a galera fica emocionada. A chegada na cidade é o melhor momento de todos. Chegamos galera! A expectativa de conhecer o público, como ele será, a reação e as emoções vividas em cada espaço percorrido. O rock, o rock metal, boi bumbá, carimbó, música regional, tudo isso somado com o apoio da coordenação do projeto se completa”.

Todo gênero musical, desde que a produção seja autoral, cabe na mostra musical. “Temos uma produção musical, sim. Não precisamos apenas trazer artistas de fora para tocar em nossos espaços. Temos uma região rica em artistas que vai desde Santana do Araguaia - que faz fronteira com outros estados do Mato Grosso e Tocantins - até as cidades como Marabá e Rondon do Pará. Produções locais com características daquela região, além da qualidade musical existente”, menciona mais uma vez Claudiana.

A mostra não tem caráter competitivo, não há vencedores, existem os selecionados que compõem a programação. É uma amostra, um fomento e visibilidade das produções presentes em seus territórios. Com a composição do show musical, o processo pedagógico da ação, com a presença das oficinas que são abertas a participação do público e visam a capacitação de educadores que utilizam a música como instrumento presente no processo de ensino aprendizado em sala de aula.

Dentro do edital você encontra as explicações de como participar das oficinas, além do formulário do lançamento da proposta e as oficinas que são realizadas onde houver a demanda. A equipe da organização informa que essas oficinas podem acontecer dentro ou fora do campus da universidade.

Somando o conjunto que insere a Universidade, mais a parte pedagógica, o envolvimento com a comunidade, a mostra musical e o circuito que gira por algumas cidades do sul e sudeste do Pará, tudo isso compõe o projeto em sua totalidade.  É a extensão pura da universidade a partir da ação cultural musical.

Mais informações podem ser encontradas na PROEX, em seu site e nas redes sociais. A agenda da MUCANPA vai se afinando com o tempo, devido ser uma caixinha de surpresa. As músicas selecionadas já estarão disponíveis na Rádio Web da Unifesspa em breve.    

Te vejo no próximo encontro!  

Jairon Gom

Fonte: Correio de Carajás

https://www.correiodecarajas.com.br/post/quinta-mostra-universitaria-da-cancao-paraense-mucanpa-tem-inscricoes-abertas

registrado em:
Fim do conteúdo da página